Início Notícias da Egiptologia Zahi Hawass renuncia ao cargo de ministro e Abdel Fattah el-Banna deve...

Zahi Hawass renuncia ao cargo de ministro e Abdel Fattah el-Banna deve assumir..

57
0
COMPARTILHAR

ATUALIZAÇÃO: 18/07/2001 – 11:10: De acordo com relatos locais no Cairo, o ministro do Egito para antiguidades, Zahi Hawass renunciou ao seu cargo. A notícia teria sido informada pelo primeiro-ministro Essam Sharaf que afirmava que o egiptólogo mais conhecido no mundo não continuaria em sua posição.

O jornal diário egípcio al-Youm al-Saba’a também relatou que após ouvir a notícia, as pessoas que estavam acampadas na frente do ministério, tentaram atacar Zahi Hawass quando o mesmo embarcava em um táxi. A decisão vem após uma série de denúncias que estavam correndo em relação a Zahi Hawass. O New York Times também publicou recentemente um artigo que detalhava a grande quantia que Hawass recebia por publicações internacionais, a fim de aparecer em seus programas de televisão.

 

Zahi Hawass – Acessado em: http://bikyamasr.com/wordpress/?p=36599

 

Hawass estava empenhado em trazer de volta ao Egito todos os artefatos tirados dali ilegalmente, durante seu tempo como secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades, que se tornou o ministério de antiguidades durante uma remodelação do gabinete do ex-presidente egípcio Hosni Mubarak no início de fevereiro, em uma tentativa de apaziguar os protestos contra o antigo regime.

No mês passado, o agora ex-ministro ganhou um recurso contra uma condenação anterior devido a uma disputa com uma livraria no Cairo. Hawass, nem o ministério ainda fizeram uma declaração oficial, embora um número de fontes dizem que Abdel Fattah al-Banna foi nomeado para assumir o ministério.

 

ATUALIZAÇÃO: 18/07/2001 – 11:10

Primeiro Ministro Sharaf cancela a nomeação de Abdel Fatah El-Banna como o novo ministro de antiguidades. Há especulações ainda de que haveria alguns desmanches em relação a junção de algumas funções no ministério.

Fontes : http://english.ahram.org.eghttp://bikyamasr.comhttp://www.telegraph.co.ukhttp://thedailynewsegypt.com

DEIXE UMA RESPOSTA

*