Início Antigo Egito Pirâmides Egípcias

Pirâmides Egípcias

419
32
COMPARTILHAR

Pirâmides Egípcias


As pirâmides egípcias foram construídas para serem o descanso final de seus Faraós. Esse tipo de estrutura apareceu em diversas localidades ao longo da história.

Devido à grandiosidade e à complexidade da construção, as pirâmides do planalto de Gizé (Giza) são consideradas as mais belas e misteriosas pirâmides de que se tem notícia.

“Entre os anos 2630 e 1640 a.C, os faraós egípcios construíram tumbas em formas de pirâmides. Considerações arquitetônicas e temas religiosos desempenham um papel na introdução e desenvolvimento das pirâmides; porém, ainda que perseguindo um mesmo propósito, as pirâmides diferem em forma, dimensões, estrutura interna e outros detalhes. Dois são os tipos básicos: a pirâmide escalonada e a pirâmide propriamente dita.” (BAINES; MALIK, 2008, p.138)


A pirâmide escalonada é uma estrutura formada por degraus e também conhecida como pirâmide de degraus. Essa pirâmide foi construída por uma combinação de materiais, principalmente tijolos de barro e pedra calcária. Seu mentor foi uma das figuras mais importantes do Antigo Império: o grande sábio Imhotep. Vizir, médico e arquiteto, planejou a pirâmide escalonada na III dinastia.


Pirâmide em degraus (Faraó Djoser) arquitetada por Imhotep em Saqqara - Acervo pessoal.
Pirâmide em degraus (Faraó Djoser) arquitetada por Imhotep em Saqqara – Acervo pessoal.



A pirâmide escalonada do Faraó Djoser fazia parte de um complexo que envolvia um templo mortuário, algumas tumbas secundárias, uma parte destinada à celebração de um festival (Sed) e a entrada que permitia o acesso à pirâmide e ao complexo. As pirâmides e construções subsidiárias eram rodeadas por um muro.

“As pirâmides mais antigas datam da III dinastia e constam de vários degraus. A capela funerária está situada abaixo do nível do chão, e chega-se a ela por um poço que começa ao norte. Algumas galerias subterrâneas (depósitos) rodeiam a pirâmide pelos lados leste, norte e oeste. A primeira pirâmide escalonada, e provavelmente a unica completa, fica em Saqqara e pertenceu ao faraó Netjerikhet Dsojer.” (BAINES; MALIK, 2008, p.138)



Já na IV dinastia, a grande pirâmide, ou pirâmide de Khufu (grego: Queóps), foi uma das mais audaciosas construções já feitas no Egito e no Mundo. Ela media em sua forma original 146 metros de altura e tinha uma base quadrangular de 230 metros. A sua construção é até hoje um mistério e intriga os mais diversos pesquisadores. Inúmeras teorias sobre como os antigos egípcios a construíram surgem sempre, mas nenhuma delas foi comprovada até então.

[1] Ao lado da grande pirâmide existem outras duas de grandes proporções: a pirâmide de Quéfren, filho de Queóps, que tem por base 214,5 metros e 143 metros de altura; e a pirâmide de Miquerinos, filho de Quéfren, que é a menor das três pirâmides, medindo 65 metros de altura e 105 metros de base. Além das três pirâmides, no complexo de Gizé existem outras, menores, que foram destinadas às rainhas. Segundo Heródoto, historiador grego, para a construção da grande pirâmide foram necessários 100.000 homens trabalhando durante 20 anos.


Pirâmides do complexo de Gizé - Acervo pessoal.
Pirâmides do complexo de Gizé – Acervo pessoal.



Há também em Dahshur outras pirâmides bastante conhecidas do grande público, como por exemplo a pirâmide vermelha e a encurvada, construídas na IV dinastia, no reinado de Snefru. Ambas são maiores que a pirâmide de Miquerinos, no complexo de Gizé. Respectivamente, a pirâmide vermelha e a curvada apresentam 104 metros de altura e 220 de base e 105 metros de altura e 183,5 de base.


Pirâmide Vermelha construída durante o reinado de Snefru - Acervo pessoal.
Pirâmide Vermelha construída durante o reinado de Snefru – Acervo pessoal.



Até 2008 existiam 118 pirâmides, das quais muitas estão bem danificadas, ficando difícil ter dados completos sobre elas. Há também alguns sarcófagos que os antigos egípcios consideravam como pirâmides, escrevendo seus nomes com o determinativo de pirâmide. Atualmente algumas pirâmides estão em restauração para evitar danos maiores causados pelos homens e pelo tempo.

Pirâmides de Gize registradas da sacada do hotel Husa – Acervo Pessoal:



Quer mais livros sobre o tema? Clique aqui.

Artigos, teses e matérias sobre o antigo Egito? Clique aqui.

 

Autor: Lucas Ferreira


[1] A grande pirâmide não é a que fica no meio das três pirâmides do complexo de Gizé. Apesar de a pirâmide do centro parecer maior, isso ocorre devido ao fato de ela ter sido construída em uma parte mais elevada do complexo.




Fontes / Referências:

– BAINES, John; MALIK, Jaromir. Cultural Atlas of Ancient Egypt. London: Andromeda Oxford Limited, 2008.

– HART, George. The British Museum Pocket Dictionary of Ancient Egyptian Gods and Goddesses. British Museum Press, 2001.

– SHAW, Ian. The Oxford Illustrated History of Ancient Egypt. Oxford: Oxford University Press, 2000.

Sites / Referências:

http://www.reshafim.org.il/ad/egypt/

http://www.oxfordexpeditiontoegypt.com/

http://scriptorium.lib.duke.edu/papyrus/

32 COMENTÁRIOS

  1. Tenho uma foto em meu poder, que tem impressa o ano de 1527, com os dizeres “Cairo – Flood time near pyramids”, gostaria de saber de saber o valor.

    • Olá Reinaldo, tudo bom? Você tem uma pintura do século XVI? Envie uma imagem para que eu possa analisar. Até mais.

  2. Ola admistrador vc poderia me dizer qual e a diferenca entre as piramides escaldoras e as piramides triangulares

    • Olá Tayna, tudo bom? Você se refere a pirâmide escalonada (em degraus)? No texto acima você encontra a diferença arquitetônica de ambas. Até mais.

  3. Adorei esse site mas nao tem as informacoes que eu precisava mas e bem interessante continue assim colocando coisas importantes para que nossa gente saiba sobre o antigo egito

    • Olá Tays, tudo bom? Fico feliz que tenhas gostado do site. Qual informação você não encontrou?

      Até mais.

  4. eu adoro saber sobre as piramides do antigo egito é muito legal,eu estou fazendo um trabalho sobre isso e quero observar profundamente sobre este estudo aprendi bastante coisa nesse site agradeço a tds que me ajudaram a conseguir saber sobre os estudos…

  5. Sou estudante de História apaixonada pelo Egito e suas histórias.Quero muito fazer Arqueologia e viajar ao Egito gostaria que vc me desse dica sobre livros e documentários.

    Obrigada
    ATT;Rafaela

    • Olá Rafaela, tudo bom? Me adicione no Facebook que fica mais fácil para eu te enviar os nomes de livros e documentários. Até mais.

    • Olá Vinícius, tudo bom? Toda informação é sempre bem vinda, pois abre debate em cima do tema e isso serve como crescimento para nós e os leitores. Até mais.

  6. Fala Lucas!
    A alguns meses eu havia perguntado se você já tinha ouvido falar se os egípcios usaram um truque com espelhos (como mostrado no filme A Múmia) para iluminar o interior de suas construções?
    Na época você disse que não havia nenhum registro sobre isso.
    Mas enquanto lia o livro “Eram os Deuses Astronautas?” de Erich Von Daniken eu achei uma informação na pag. 97 intrigante:

    Com que força, com que “maquinas”, com que recursos técnicos afinal, foi nivelado o solo rochoso? De que maneira os arquitetos avançavam com suas galerias? E como as iluminavam? Nem aqui (ele se refere as piramides)nem nos túmulos de rocha do Vale dos Reis, foram usadas tochas ou algo parecido. Não a tetos ou paredes enegrecidos, nem o menor indício de que tais vestígios tivessem sido apagados.

    • Olá Vinícius, tudo bom? O Livro “Eram os Deuses Astronautas” tenta mostrar que as Pirâmides e as Grandes obras arquitetônicas foram feitas por E.Ts. Como você deve saber, grande parte do meio científico abomina essa “explicação”. Apesar das minhas crenças em muitos fatores sobre a antiguidade, o site antigoegito.org tenta passar apenas as provas científicas em relação aos egípcios, deixando as crenças de lado para evitar o que já ocorre no mundo real. Até mais.

  7. Lucas peço que me desculpe por estar fazendo tantas perguntas. Mas como é que estou escrevendo um livro que chamo de “A Múmia – E os Portais para o Mundo dos Mortos”. Apesar de se tratar de uma ficção quero me manter fiel o máximo possível a história egípcia.
    Mas tem determinados assuntos do Império que só alguém com bastante conhecimento sobre o assunto pode me ajudar.

    Minha mais nova pergunta é se vc sabe quando a grande Pirâmide começou a ser construída e quando ela foi terminada?

    Aguardarei sua resposta. E quero que saiba que não esquecerei de agradecer a você e seu site no meu Livro.

    • Olá Vinicius, tudo bom? Fique a vontade para perguntar. Não se sabe exatamente quando ela começou a ser construída e quanto tempo demorou, mas acredita-se que tenha sido na 4ª dinastia por volta de 2.560 a.C e levado em torno de 20 anos. Mas, vale lembrar que há milhares de teorias acerca dessas datas e do tempo que teria demorado sua construção.

      Quando publicar seu livro, faço questão de divulgá-lo aqui no site. Até mais.

  8. Olá, Lucas, parabéns pelo site! Gostaria que assistisse a esses comentários do físico Nassim Haramein sobre a construção das pirâmides e externasse sua opinião. http://www.youtube.com/watch?v=SnLj-iqIAnM

    Foi assistindo a esse vídeo que resolvi fazer uma pesquisa rápida sobre o status dos estudos em torno desse assunto atualmente e me deparei com o seu site.
    Abs,
    Gleig

    • Olá Gleig, tudo bom? Assisti ao trecho do documentário citado por você e concordo com tudo que foi colocado por ele. Quando é citado que se você possuir uma teoria diferente da proposta, você não consegue obter um grau de PHD (ainda mais se tratando de civilizações anteriores aos egípcios como é proposto no vídeo). Pessoas estudam as mesmas coisas apenas modificando visões e não criando nada novo! Se você procurar no mundo, pessoas que tentam achar soluções para a construção das Pirâmides, verás que elas não são Arqueólogos/Egiptólogos. Exemplos como o Arquiteto Frances Jean-Pierre (http://antigoegito.org/documentario-3d-sobre-a-grande-piramide-ja-esta-disponivel-online/) e um aposentado chamado Dominic Rainna (http://antigoegito.org/um-egiptologo-amador/) que mostram a todos teorias funcionais, melhores do que qualquer publicação científica.

      Att. Lucas Ferreira.

      • Olá, Lucas tudo bem sim e espero que com você também! Grata pelo retorno e pela indicação dos vídeos! Realmente temos construído uma (s) ciência (s) que se arroga direitos de ser a única fonte válida de conhecimentos. Contudo, boa parte das vezes, essa mesma ciência contribui para embotar a percepção da mesma realidade que tenta desvendar. É um paradoxo com o qual temos de saber lidar!
        Att,
        Gleig

        • Olá Gleig, bom dia! Realmente é um paradoxo, mas noto que os maiores avanços vem de pessoas que conseguem quebrar essas barreiras e ir até o fim com seus ideais.

          Att. Lucas Ferreira.

          • Olá, Lucas, Boa tarde! De fato você tem razão os ideais nos movem… E toda grande descoberta ou reflexão sofre resistência por parte do “saber instituído”. Eis os desafios que nos fazem crescer… 🙂

            Att,
            Gleig

  9. Oiii Lucas,td bem?Pois é,mas acho também que 20 anos seriam razoáveis pra construir uma estrutura tão grande quanto a pirâmide dele considerando a quantidade de mão-de-obra empregada nela além também do fato dele ter reinado por um pouco mais de 20 anos,tempo suficiente pra concluí-la e estimado por alguns arqueólogos,porém pode ser sim realmente que tenha sido em menos tempo.Quem sabe?Hehehehe..Abraço ae…

    • Olá Marcelo, tudo certo e com você? É que assim, temos que analisar que a Grande Pirâmide não foi a única construção do Faraó, ou seja, ele não ficou o governo inteiro apenas construindo ela. Ele precisava administrar o Egito e ter tudo em ordem para começar a construir tamanha estrutura, então se pensarmos em 20 anos, eu acho pouco provável, apesar de ser a teoria mais aceita hoje em dia. Dê uma olhada nessa teoria aqui: http://antigoegito.org/?p=3863 .Até mais.

  10. Oi..A pirâmide do faraó Khufu(Quéops para os gregos de Alexandre,o Grande) é realmente uma obra e tanto de arquitetura e engenharia da antiguidade fazendo-a parte até das sete maravilhas do mundo antigo muito notadamente.É interessante ver como o faraó conseguiu reunir 100 mil trabalhadores por 20 anos afim de erguer seu túmulo eterno sendo esses mesmos trabalhadores pagos com cerveja,pão e roupas !!!!Realmente uma obra e tanto de arquitetura!!!…Hehehe..Abraços ae!!!!

    • Olá Marcelo, tudo bom? Algumas teorias mais recentes dão conta que talvez não tenha levado 20 anos de trabalho. Eu particularmente também não acredito nesse tempo. Acho que o Faraó não arriscaria um tempo tão grande, correndo o risco de ficar sem a sua morada eterna, caso morresse antes do término. Abraços.

    • Olá Maycon, tudo bom? Os antigos egípcios tinham um espécie de cimento, onde a base era o gesso. Essa mistura já remonta aos tempos das Pirâmides. Até mais.

DEIXE UMA RESPOSTA

*