Preocupação com o estado atual do Egito..

Bom, esse post vem falar um pouco mais sobre o que estamos recebendo de notícias diariamente do Egito. Alguns conhecidos e outros colaboradores do site, vem enviando emails e mensagens em diversas redes de relacionamento contando para nós a real situação do Egito. É com muita tristeza que estou escrevendo. As notícias que ultimamente não estão chegando mais a imprensa, tratam de um grande caos para os sítios arqueológicos do Egito. O pouco que saiu noticiado a dias atrás, não é de perto nem a metade do que está realmente acontecendo por lá.

Diversos saqueadores estão instalando casas perto de grandes sítios arqueológicos e durante a noite estão saqueando tudo que podem. E devido a muitos não saberem nem do que se trata, danificam áreas que será praticamente impossível restaurar. A polícia turística que é a responsável por esse patrulhamento, está assustada e não está dando conta de impedir saqueadores armados que intimidam a frágil polícia que não usa arma alguma. Alguns relatos que chegaram até nós, dizem que lugares importantes estão sem fiscalização alguma e que pessoas se aproveitam da situação para roubar ou até mesmo estragar o que vêem pela frente. Museus de menores porte dentro do Egito sofrem com constantes roubos e que tudo isso não está sendo noticiado simplesmente por interesse político.


Foto do site: http://rakeshbera.com/news/



As autoridades estão pensando em chamar o exército para a rua novamente, só que o estrago que está sendo feito durante esse período de indecisão se torna uma perca irreparável para a humanidade. Seja ela na área que for, os patrimônios saqueados e destruídos são de grande valia não só para a comunidade egípcia, mas para todos de uma forma geral. Sabemos o quanto de potencial toda a exploração da área egípcia pode nos trazer como conhecimento. São inscrições milenares que nos dizem muito até hoje. Tudo isso parece estar se perdendo ao meio do caos que AINDA não acabou e pelo que tudo indica está longe de acabar.

Essa semana noticiamos o triste afastamento do Dr. Zahi Hawass do ministério, e por mais que muitos não gostem dele, é inegável o quanto ele ajudou a popularizar os ricos artefatos egípcios e o tão bom foi seu trabalho até hoje. Para aqueles que não gostavam do seu trabalho, só agora poderão ver o quanto uma pessoa com caráter de Zahi Hawass, fará falta frente a egiptologia no Egito.

Fica aqui nossa torcida para que tudo isso possa acabar o quanto antes e que os estragos que não puderam ser evitados, que pelo menos não sejam muito grande (Se é que isso é possível).


Fonte: www.antigoegito.org

avatar

Sobre Administrador

Natural de Criciúma – SC, Graduado e Pós-Graduado em História pela UNIASSELVI – SC, com ênfase no Antigo Egito. Apaixonado pelos antigos egípcios e com planos de em breve estar definitivamente morando/trabalhando no Egito.