Múmia de Tutankhamon ficará no Vale dos Reis para sempre..

Desmentindo o que havia sido publicado na imprensa, a tumba do rei Tutankhamon não será fechada em um futuro próximo, Zahi Hawass afirmou ao Discovery News. Muitos relatórios a duas semanas atrás anunciaram o fechamento desta atração turística até o final deste ano. Embora sofrendo o desgaste provocado pelas hordas de visitantes a tumba não terá as portas fechadas tão cedo.

“É um plano a longo prazo que não foi decidido ainda “, disse Hawass ao Discovery News. O plano de longo prazo, envolve um projeto de 10 milhões dólares chamado de “Vale das réplicas.” Os visitantes serão direcionados para reproduções exatas dos túmulos originais. As três primeiras réplicas serão os túmulos de Tutankhamon e as tumbas já fechadas de Seti I e da rainha Nefertari no Vale das Rainhas. Os três túmulos originais permanecerão abertos aos turistas dispostos a pagar uma taxa muito alta, talvez até $8.500 por visita.


Interior da KV62 no vale dos Reis (Foto: Hajor / Creative Commons)


Um dos mais visitados do vale dos reis é o túmulo do rei Tut, também conhecido como KV62, é também um dos menores das 63 tumbas no Vale dos Reis. O lugar deserto e rochoso na margem ocidental do rio Nilo, perto de Luxor é suposto como sendo um lugar de enterros ocultos. Ironicamente, o local de enterro sagrado tornou-se uma das mais populares atrações turísticas do mundo, visitado por cerca de 9.000 pessoas por dia.

Seu rosto mumificado, incluindo o seu sorriso cheio de dentes, e os seus pés na adolescência são as únicas partes visíveis por trás das paredes de vidro grosso. O rei menino irá eventualmente retornar à paz e tranquilidade que gostava a mais de três milênios. Quando as portas de seu túmulo fechar para sempre, sua múmia não será movida do seu lugar original de repouso no Vale dos Reis.

“A múmia ficará dentro da tumba”, disse Hawass Discovery News.



O número de visitantes ao túmulo do rei Tut em si, que uma vez viu uma média de 6.000 turistas por dia, está agora limitada a 1.000. Restrições têm sido colocadas como necessárias a popularidade da tumba aumentou com a exibição pública da múmia em um vidro envolto em 2007.

De fato, exatamente 85 anos depois de Howard Carter e Lord Carnarvon terem descoberto seu túmulo, A múmia do rei Tut deixou para sempre o seu sarcófago original ornamentado e mudou-se para um sarcófago novo na antecâmara do seu túmulo subterrâneo de pequeno porte.

avatar

Sobre Administrador

Natural de Criciúma – SC, Graduado e Pós-Graduado em História pela UNIASSELVI – SC, com ênfase no Antigo Egito. Apaixonado pelos antigos egípcios e com planos de em breve estar definitivamente morando/trabalhando no Egito.